Toda Substância é Espírito • A Bacia das Almas

 

Paulo Brabo, 10 de agosto de 2007

Toda Substância é Espírito

Estocado em Goiabas Roubadas

6. Algumas verdades são tão claras e evidentes ao entendimento que basta a pessoa abrir os olhos para ser capaz de enxergá-las. Dentre essas considero ser especialmente importante esta, a saber, que todo o exército do céu e todo a aparelhagem da terra, numa palavra todos os corpos que compõem a imensa estrutura do mundo, não têm qualquer subsistência sem uma mente pela qual sua existência seja percebida ou conhecida; que, conseqüentemente, na medida em que não são percebidos por mim ou não existem na minha mente ou na de qualquer espírito criado, nenhum desses corpos têm existência real – ou, alternativamente, subsistem na mente de algum Espírito Eterno. É inteiramente ininteligível, e requer todo o absurdo da abstração, atribuir a qualquer porção deles uma existência independente de um espírito. Para convencer-se disso tudo de que o leitor precisa é refletir, e tentar separar em seu próprio pensamento o ser de uma coisa palpável do fato de ser concebida ou percebida.

7. Do que foi dito segue-se que não existe qualquer Substância que não seja Espírito, ou “aquele que percebe”.

Tratado sobre os príncipios do conhecimento humano (1710)
George Berkeley (1685-1753)

Paulo Brabo @saobrabo

Escrevo livros, faço desenhos e desenho letras. A Bacia das Almas é repositório final de ideias condenadas à reformulação eterna.

Arquivado sob as rubricas

 

<
>

Depositado em juízo por Paulo Brabo · Desde 2004 · Sobre o autor e esta Bacia · Leia um livro · Olhe desenhos · Versões digitais dos manuscritos da Biblioteca do Monastério de São Brabo nas Índias Ocidentais · Fale comigo · A Bacia das Almas já disse a mesma coisa mais de uma vez