Dois bebês • A Bacia das Almas

 

Paulo Brabo, 15 de dezembro de 2005

Dois bebês

Estocado em Goiabas Roubadas

  • Todos que acreditam em psicocinese levantem a minha mão.
  • Você não pode ter tudo. Onde você ia colocar?
  • Eu mataria por um Nobel da Paz.
  • Eu quase tive uma namorada vidente mas ela me largou antes de me conhecer.
  • Como é que você sabe dizer se a tinta invisível acabou?
  • Defenda as bactérias – elas são a única cultura que algumas pessoas tem.
  • Se a Barbie é tão popular, porque a gente tem de comprar amigos pra ela?
  • Águias podem cruzar as alturas, mas fuinhas não são sugadas para dentro de turbinas de aviões.
  • Eu costumava ter mente aberta mas meu cérebro ficava caindo.
  • Se não der certo na primeira vez, destrua todas as evidências de que você tentou.
  • Experiência é uma coisa que você não tem até precisamente depois de precisar dela.
  • Para cada ação há uma crítica igual e oposta.
  • A dureza da manteiga é proporcional à maciez do pão.
  • Segunda-feira é um lugar deprimente para se passar um sétimo da vida.
  • Quanto mais cedo você ficar atrasado com suas responsabilidades, mais tempo de sobra vai ter para correr atrás do prejuízo.
  • Se tiver de escolher entre dois males, escolha um que nunca cometeu antes.
  • Faça planos para ser espontâneo amanhã.
  • 42,7% das estatísticas são inventadas na hora.
  • Minha teoria da evolução é a de que Darwin era adotado.
  • “Você dormiu bem?” “Não, cometi um erro ou dois.”
  • Eu estava indo a 140 Km/h e o guarda me parou. “Você não sabe que o limite de velocidade é 110 quilômetros por hora?” “Sei, seu guarda, mas eu não ia ficar na estrada todo esse tempo.”
  • Metade das pessoas que você conhece está abaixo da média.
  • Ontem eu disse a uma galinha que atravessasse a rua. “Por quê?”, ela perguntou.
  • Fiz um curso de espera dinâmica. Agora consigo esperar uma hora em dez minutos.
  • When I die I’m going to leave my body to science fiction.
  • Tenho uma secretária eletrônica no carro. Ela diz: “Estou em casa agora. Deixe uma mensagem e eu retorno a ligação quando sair”.
  • Dois bebês nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital. Ficaram ali deitados olhando um para o outro. Suas respectivas famílias vieram e levaram-nos embora. Oitenta anos depois, por uma bizarra coincidência, estavam os dois deitados no mesmo hospital, em seus leitos de morte, um ao lado do outro. Um deles olhou para o lado e perguntou: “E daí, o que é que você achou?”
  • Pretendo viver para sempre. Até agora tudo bem.

Steven Wright

Paulo Brabo @saobrabo

Escrevo livros, faço desenhos e desenho letras. A Bacia das Almas é repositório final de ideias condenadas à reformulação eterna.

Arquivado sob as rubricas

 

<
>

Depositado em juízo por Paulo Brabo · Desde 2004 · Sobre o autor e esta Bacia · Leia um livro · Olhe desenhos · Versões digitais dos manuscritos da Biblioteca do Monastério de São Brabo nas Índias Ocidentais · Fale comigo · A Bacia das Almas não se responsabiliza por aparecer em alguns blogrolls ao lado do Júlio Severo