Pausa para o café • A Bacia das Almas

 

Paulo Brabo, 26 de Maio de 2016

Pausa para o café

Estocado em Ilustração

Porque toda ideia do café é a disciplina da pausa. Sem alguma pausa sensorial arbitrária o ser humano tende a esquecer a tradição de que é possível e necessário experimentar em alguma medida a realidade.

Este é pra ser o Renato Santana Santos. A iluminura foi feita aqui no Monastério a partir de uma foto da Priscila Nogueira.

Paulo Brabo @saobrabo

Escrevo livros, faço desenhos e desenho letras. A Bacia das Almas é repositório final de ideias condenadas à reformulação eterna.

Clique aqui para receber as publicações deste sáite por email.

Arquivado sob as rubricas

 

<
>

Depositado em juízo por Paulo Brabo · Desde 2004 · Sobre o autor e esta Bacia · Receba por email · Leia um livro · Olhe desenhos · Vasculhe os arquivos · A amizade continua a mesma no twitter, no Instagram, no Flickr e até no Google+ · Mas não no Facebook · Assine com RSS · Versões digitais dos manuscritos da Biblioteca do Monastério de São Brabo nas Índias Ocidentais · Fale comigo · A Bacia das Almas é repositório final de ideias condenadas à reformulação eterna