A transição de São Nicolau • A Bacia das Almas

 

Paulo Brabo, 25 de outubro de 2006

A transição de São Nicolau

Estocado em História · Ilustração

É época da pintura alucinada de ícones de São Nicolau, pintados à mão e para usos seculares, no scriptorium do Monastério. Sobra pouco tempo, devo confessar, para meditações, leituras diárias, cântico de salmos, cópia de manuscritos e outras disciplinas do espírito e de mortificação da carne.

Como se sabe, Papai Noel é a encarnação mais recente e pasteurizada de São Nicolau de Mira, santo gente-boa do século IV e padroeiro da Rússia, da Grécia e da Noruega.

O bem-cuidado Saint Nicholas Center é uma boa fonte (em inglês) a respeito de São Nicolau e de sua transição para Santa Claus. Interessou-me em particular saber que nas lendas que descrevem sua visita tradicional de Natal, em que chega trazendo presentes para as criancinhas de boa vontade, São Nicolau muitas vezes não comparece sozinho, mas na companhia de ajudantes que variam de uma cultura para outra. Quem diria que na França São Nicolau aparece acompanhado de um burrinho, na Holanda por um mouro da África (Zwarte Piet, “Negro Pedro”) e na [antiga] Tchecoslováquia pelo próprio Diabo?

Em 2005 o prefeito de Demre (Turquia), cidade Natal do Noel, mandou desalojar uma estátua tradicional do santo da praça da Igreja de São Nicolau e colocou no lugar uma mais imediatamente consumível versão de plástico de “Noel Baba”.

Deixo-vos então com minha própria versão de Baba: faces rosadas, olhos azuis, rosto bonito, barba branca e abundante, coração puro e sorriso angelical. Como não comprar um produto endossado por esse sujeito?

Clique inevitavelmente para ampliar.

Clique para ampliar

Veja também:

Saint Nicholas Nicked

Paulo Brabo @saobrabo

Escrevo livros, faço desenhos e desenho letras. A Bacia das Almas é repositório final de ideias condenadas à reformulação eterna.

Clique aqui para receber as publicações deste sáite por email.

Arquivado sob as rubricas

 

<
>

Depositado em juízo por Paulo Brabo · Desde 2004 · Sobre o autor e esta Bacia · Receba por email · Leia um livro · Olhe desenhos · Vasculhe os arquivos · A amizade continua a mesma no twitter, no Instagram, no Flickr e até no Google+ · Mas não no Facebook · Assine com RSS · Versões digitais dos manuscritos da Biblioteca do Monastério de São Brabo nas Índias Ocidentais · Fale comigo · A Bacia das Almas já foi refutada mais de uma vez por teólogos abalizados